Página Inicial > Notícias > Presidente...de Ciência

Presidente da Câmara Municipal quer Viana do Castelo como Território de Ciência

11 Janeiro 2018

Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo, José Maria Costa, quer transformar Viana do Castelo num Território de Ciência, pelo que a inauguração da primeira Rede Escolar de Ciência e de Apoio à Investigação Científica do país foi um dos primeiros passos para disseminar o gosto pela ciência e pela biodiversidade no concelho.

A cerimónia de inauguração, que contou com a presença da Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Fernanda Rollo, que não poupou elogios à iniciativa, teve sala cheia e decorreu na Escola Secundária de Santa Maria Maior, onde está instalado um dos laboratórios criados no âmbito da rede, que juntará 30 investigadores para apoio de cerca de três mil alunos de Viana do Castelo, num investimento de 120 mil euros.

A Rede Escolar de Ciência e de Apoio à Investigação Científica é constituída por 7 unidades laboratoriais instaladas nas escolas sede de agrupamento: Laboratório de processamento de amostras em sedimentologia, Laboratório de sondagem mecânica e geofísica, Laboratório de Comunicação de Ciência, Laboratório de processamento de amostras em petrologia, Laboratório de Microscopia e Petrografia, Laboratório de Fotogrametria e Laboratório da Memória.

São unidades de investigação descentralizada do Geoparque, concretizando o papel crucial das escolas e centros de investigação para o seu pleno desenvolvimento. Para além de consolidar a necessária aproximação das Escolas à Ciência - aos seus equipamentos, aos cientistas e aos problemas e metodologias em ciência - constitui o foco para que os professores e os alunos se permitam olhar para o território como um todo.

A Rede Escolar de Ciência e de Apoio à Investigação Científica pretende apoiar o desenvolvimento e a implementação da metodologia de trabalho de projeto como a opção de fundo, e o foco central do desenvolvimento curricular nas escolas de Viana do Castelo. São também objetivos da rede estimular o conhecimento científico através da descoberta do meio local; promover o gosto e a prática da ciência em contexto fora da sala de aula; incentivar o intercâmbio de conhecimentos entre alunos e docentes do concelho e investigadores; e desenvolver a interdisciplinaridade.

Pretende-se apoiar a dinamização escolar de projetos fundamentados nos temas/domínios da comunicação de Ciência; projetos científicos interagrupamentos; sessões de divulgação científica à comunidade; recolha e registo de património imaterial; inventário e cadastro de património construído (incluindo arqueológico); conservação de amostras pedagógicas e científicas, e testemunhos de sondagem; estudos de apoio à interpretação dos paleoambientes; estudos de apoio à interpretação da paleobiodiversidade; estudos apoiados em sondagens da crosta terreste; monitorização e interpretação de processos dinâmicos; estudos baseados em fotografia aérea; preparação de amostras para datação absoluta; e preparação de amostras para estudos em palinologia.

Gabinete de Comunicação e Imagem
Câmara Municipal de Viana do Castelo